Sobre o D.C.C.

Depois de 15 anos de portas fechadas e sem qualquer actividade, o Desportivo Clube do Carmo (DCC) conhece agora uma nova oportunidade para voltar ao activo. Este clube nasceu a 14 de Setembro de 1935 em dois rés-do-chão contíguos na Rua do Duque, perto do largo do Carmo, e mobilizou um número significativo de associados em torno de modalidades, como o ténis de mesa, o halterofilismo e o ciclismo, em cujos campeonatos conquistou alguns troféus.

Para além da sua dimensão desportiva, o clube foi um centro cultural onde os moradores se juntavam para ver televisão, cinema e teatro, ou para festejar os santos populares; desempenhou ainda funções de apoio social, permitindo a vários sem-abrigo da cidade abrigar-se, comer e tomar banho. No entanto, com a morte das pessoas que ainda iam abrindo as portas do clube e com a população da freguesia do Sacramento, nomeadamente os seus dirigentes, a mudar-se massivamente para a periferia da cidade, o clube foi obrigado a encerrar e não conheceu qualquer iniciativa desportiva ou cultural durante cerca de 15 anos.

A actual presidente, Maria José, nunca desistiu do clube. Foi pagando as contas do seu próprio bolso por devoção ao marido, tão aficionado pelo clube, sempre na esperança de que aparecesse alguém que o pusesse novamente a mexer.

Hoje, o Desportivo Clube do Carmo conta com um grupo com cerca de 10 pessoas, uma geração mais jovem que pretende dinamizar actividades alternativas para os fins-de-semana dos lisboetas.

Anúncios

One comment

  1. Antonio Joao da Costa Cabral

    O DCC, como para os do meu tempo e conhecido, e o Clube que vai estar sempre no meu coraçao.
    Foi o Clube da minha infancia, onde tive os meus Bons Amigos, que jamais esquecerei.
    Foi neste Clube que iniciei e ganhei os meus primeiros jogos, em Tenis de Mesa e em Futebol.
    A nossa sala enchia para ver os jogos de Tenis de Mesa.
    Foi a epoca bonita dos clubes de bairro, que infelizmente foram acabando, e que muita falta fazem a juventude, para os tempos livres de Cultura e Desporto.
    Fiquei muito Feliz por ver o esforço da minha amiga “Maria Jose”, ser recompensado, em nome do seu marido e meu Amigo Mario Guerra.
    E mais feliz fiquei, por ver as pessoas, jovens e seus familiares, interessados no ressurgimento deste grande Clube de Bairro e que tiveram a gentileza de me convidarem para fazer parte da lista de dirigentes para este arranque que todos esperamos que seja feliz .

    Boa Sorte e viva o DCC

    Antonio Joao C. Cabral

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s